Após render 11,25 milhões de euros (R$ 62,5 milhões) de bônus desde que foi vendido para o Real Madrid, o atacante Endrick pode fazer os cofres do Palmeiras engordarem ainda mais ao ser convocado para defender a Seleção Brasileira na Copa América.

Em uma das cláusulas do contrato com o time espanhol que traçam metas para o atacante, está uma que prevê a presença dele como titular em um jogo do escrete canarinho principal. Se isso acontecer, os Merengues precisam depositar mais 1,25 milhão de euros (R$ 6,9 milhões) na conta do Alviverde.

O jogador terá, no mínimo, cinco oportunidades de ativar o cláusula. Isso porque, além dos três jogos disputados na primeira fase da Copa América, que acontece a partir de junho nos Estados Unidos, o Brasil ainda tem dois amistosos previstos antes da competição, contra México e o próprio Estados Unidos.

Caso ganhe uma chance entre os titulares do técnico Dorival Júnior, por sinal, Endrick atingiria o teto de bonificações previstos no acordo entre Palmeiras e Real Madrid.

Quando a transferência da joia foi acertada, os clubes acordaram um limite de 12,5 milhões de euros (R$ 69,5 milhões) para gatilhos.

Metas que Endrick já atingiu

O atacante já ativou quatro vezes uma cláusula do contrato de venda para o Real Madrid que prevê uma bonificação de 2,5 milhões de euros (R$ 13,7 milhões) a cada cinco gols marcados pelo Palmeiras ou pela Seleção Brasileira principal.

Só neste quesito, já são 10 milhões de euros (R$ 51,4 milhões) garantidos para o Alviverde.

Antes, Endrick havia atingido uma outra meta: ser convocado uma vez pela Seleção Brasileira principal. A marca, alcançada ainda sob a passagem do treinador Fernando Diniz, rendeu mais 1,25 milhão de euros (R$ 6,9 milhões).

Com o cenário atual, Endrick ainda pode atingir o teto previsto de bonificações por outro caminho, além de se tornar titular do Brasil. Para isso, ele precisaria marcar mais cinco gols pelo Palmeiras e/ou Seleção.

Despedida com data certa

Convocado na última sexta-feira (10) pelo técnico Dorival Júnior para a disputar a Copa América pela Seleção Brasileira, o atacante Endrick teve a despedida do Palmeiras antecipada.

O jogador disputará mais sete partidas com a camisa alviverde e fará o último confronto contra o Atlético-MG, na Arena MRV, no dia 2 de junho, pela Série A do Campeonato Brasileiro.

A decisão foi acordada entre o estafe do atacante e o Palmeiras, sendo confirmada pela Itatiaia. O acerto seguirá mesmo em caso de eliminação do Brasil na primeira fase do torneio. Em seguida a disputa da Copa América, Endrick se transfere para o Real Madrid.

Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

versão original

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *