Fortaleza e Vasco ficaram no 0 a 0 no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira (1), feriado do Dia do Trabalhador, o placar na Arena Castelão, tem que ser comemorado pelo time carioca, pressionado a maior parte do jogo.

O confronto de volta está marcado para o estádio de São Januário, em 21 de maio, às 21h30 (de Brasília). Quem ganhar avança para as oitavas de final. Se acontecer um novo empate, o classificado será conhecido após cobranças de pênaltis.

O Fortaleza, com força máxima, perdeu muitos gols, principalmente no primeiro tempo. O Vasco teve no banco o técnico interino Rafael Paiva, já que Ramon Diaz deixou o cargo no último sábado, após o Cruzmaltino perder de 4 a 0 para o Criciúma pelo Brasileirão.

Pressão dos anfitriões

O gramado em péssimo estado do Castelão fez vários jogadores escorregarem em boa parte do jogo. Nós próximos dias, o campo passará por uma mini-reforma, e Fortaleza e Ceará, que usam a arena, jogarão algumas partidas no Presidente Vargas, estádio menor na região central da capital cearense.

Quando a bola rolava, e os atletas ficavam de pé, o Leão do Pici teve mais a bola e as melhores chances no primeiro tempo. Os primeiros 30 minutos foram mais lentos, mas o time anfitrião acelerou o toque de bola na parte final e teve três boas chances, com Pikachu, Lucero e Pochettino. Este quase fez um golaço de primeira, mas a bola explodiu na trave.

O Vasco tentava viver de contra-ataques, sem sucesso.

No segundo tempo, o Fortaleza começou o segundo tempo pressionando, como se não tivesse existido o intervalo. Tinga, Lucero e Zé Welison tiveram oportunidades, mas o ritmo do mandante diminuiu, e o Vasco conseguiu, ao menos, desacelerar a partida.

No final, o Fortaleza voltou a colocar pressão e novamente perdeu gols, com Kervin e Lucero. Não era a noite dos atacantes do Leão.

Próximos jogos

No sábado (4), o Fortaleza enfrenta o Corinthians, na Neo Química Arena, em São Paulo, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo será às 16h (de Brasília).

O Vasco vai visitar no domingo (5), o Athletico-PR, na Ligga Arena, em Curitiba, também pela quinta rodada do Brasileirão. O confronto começará às 16h (de Brasília).

Fortaleza: João Ricardo; Tinga, Brítez, Titi e Felipe Jonatan (Bruno Pacheco); Zé Welison (Hércules), Rossetto (Kervin) e Pochettino; Yago Pikachu (Marinho), Lucero e Machuca (Moisés). Técnico: Juan Pablo Vojvoda.

Vasco: Léo Jardim; Rojas (Zé Gabriel), Maicon e Léo; Paulo Henrique, Lucas Piton, Hugo Moura (Galdames) e Mateus Carvalho (Adson); Rayan (Rossi), David (Sforza) e Vegetti. Técnico: Rafael Paiva.

Cartões Amarelos
Matheus Carvalho, Sforza, Vegetti (Vasco)

Público total: 39.094 presentes
Renda: R$ 784.399,00

Motivo: Jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil
Local: Arena Castelão, em Fortaleza
Data e horário: 1 de maio de 2024, às 19h (de Brasília)

Árbitro: Matheus Delgado Candançan (SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (Fifa/SP) e Daniel Paulo Ziolli (SP)
Arbitro de vídeo: Daniel Nobre Bins (Fifa/RS)


Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

versão original

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *