Melhor em campo na vitória do São Paulo sobre o Corinthians, nesta terça-feira, o atacante Calleri celebrou o resultado. Após a partida, o argentino elogiou a atuação do Tricolor, mas ressaltou que a equipe não pode ser desatenta, como aconteceu no final.

“Fizemos um baita primeiro tempo, mas outra vez no segundo baixamos um pouquinho o ritmo. O Luiz Gustavo entrou bem, fez gol, e a gente se conformou um pouquinho. Eles fizeram gol de bola parada, erro nosso, mas estou muito feliz quebrar o tabu que tanto falam. Desde que cheguei temos eliminado o Corinthians, quebramos tabu na Copa do Brasil, agora na Neo Química, e vamos por mais… Domingo temos outra final, contra um grande time, outro clássico. Jogo difícil, mas estamos preparados. Essa vitória nos dá confiança”, disse o argentino à “CazéTV”.

Esta foi a primeira vez que o Tricolor venceu o Corinthians na Neo Química Arena desde 2014, quando o estádio foi inaugurado. Nos outros 18 confrontos, o Timão venceu 11, com sete empates. Perguntado se encerrar este tabu era entrar na história, Calleri afirmou que entrar na história é vencer título. Aliás, o argentino afirmou que o objetivo é fazer o Tricolor ser como antes.

“Entrar na história é ser campeão da Copa do Brasil. Um jogo bonito, o Corinthians não vem bem, e a gente conseguiu a vitória. Parabéns para todo mundo. A gente acredita em mais. Parabéns a tudo o que representa o São Paulo. À torcida que apoia, à toda a comissão, a todos que trabalham todos os dias para fazer um São Paulo melhor. Que façamos o São Paulo conquistar o que conquistou há 10, 15 anos. Que volte a ser campeão regularmente. Vestir essa camisa é um privilégio”, declarou.

Confiança do elenco

Questionado sobre a virada de chave do elenco são-paulino, Calleri elogiou os treinadores que passaram pelo clube recentemente. Além disso, ele projetou a Supercopa do Brasil, no domingo, e disse que este, sim, é o foco do clube.

“Vou citar o Dorival, que acreditou em nós quando ninguém acreditava. O Rogério, que quando saiu falou que a gente seria campeão mesmo com sua saída. A gente acreditou em nós. Passamos do Palmeiras quando ninguém acreditava, passamos do Corinthians, ganhamos do Flamengo, que é o melhor time, e a gente acreditou e foi campeão. A gente quebrou o tabu da Copa do Brasil, hoje quebramos o tabu na Neo Química e vamos por mais no domingo, queremos mais. Domingo é muito mais importante que hoje, e vamos tentar fazer, como eu falei, o São Paulo campeão regularmente”, finalizou.

Siga o Jogada10 nas redes sociais: TwitterInstagram e Facebook.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *