O garoto Alisson vem impressionando no Galo, e com isso, alguns clubes da Europa já o vem monitorando. No entanto, é bom lembrar que seu contrato com o clube vai até o final de 2027 e sua multa é de 60 milhões de euros (cerca de R$ 320 milhões).

É bom ressaltar que o Atlético quase o perdeu, porém, o então diretor de futebol Rodrigo Caetano teve um papel crucial em sua permanência. Houve atrasos nas negociações com a diretoria da base e, quando o executivo soube disso, agiu rapidamente para resolver o impasse.

Tempo no Galo

Alisson foi identificado pelo olheiro Adriano Martins, que trabalhava para o Galo em 2019, durante competições no Sul do Brasil, mas sua estreia acabou adiada para 2021 devido à pandemia, que interrompeu as atividades das equipes sub-15 e sub-17. O ponta teve destaque ao conquistar o título mineiro sub-17 no ano citado.

No ano de 2022, o jogador consolidou sua posição como titular na equipe sub-17 e se destacou como artilheiro do Atlético no Brasileirão da categoria, marcando cinco gols, mas apesar de seu desempenho, o Alvinegro foi eliminado nas quartas de final pelo Palmeiras, que viria a se sagrar campeão. Ele marcou um total de 16 gols na temporada, ficando como vice-artilheiro da categoria, e em setembro de 2022, firmou seu primeiro contrato profissional com o clube.

No decorrer da temporada passada, Alisson integrou a equipe sub-20 do Galo e participou da Copa São Paulo de Futebol Júnior, atuando em quatro jogos e contribuindo com duas assistências. Além disso, ele esteve em campo em duas partidas do Brasileirão sub-20 e em três do Campeonato Mineiro da categoria, e nessas competições, registrou um passe para gol e balançou as redes duas vezes.

Ainda em 2023, o atacante teve sua estreia no time principal, e sua primeira convocação ocorreu em uma partida da Libertadores contra o Libertad, no Paraguai, sob o comando de Eduardo Coudet. Embora tenha ficado no banco de reservas nessa ocasião, sua estreia oficial aconteceu mais tarde, no Brasileirão, contra o Corinthians, durante a 14ª rodada da competição.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *